Até que ele olha pra mim, aponta pro celular e dá um risinho. Eu gelei – 2081

Dia 15 de janeiro estava eu e minha amiga as 17:37 voltando de Niterói quando percebemos que tinha um homem no ônibus que não parava de me encarar. Ele sempre dava um jeito de olhar pra mim e ficava conversando com o amigo dele. Ele estava sentado na fileira da direita, e o amigo estava na fileira da esquerda (na minha frente). Comentei com a minha amiga que esse cara estava me encarando e ela disse “eu to de olho”. Fiquei conversando com minha amiga até que eu senti um flash na minha cara, ela também sentiu. Eu comecei a ficar com medo. Minutos depois ele ficava conversando com o amigo e ficava com o celular na mão. Até que ele olha pra mim, aponta pro celular e dá um risinho. Eu gelei. E depois, minha amiga fala pra mim baixinho “ele está te observando pelo espelho do celular”. Eu e minha amiga soltamos do ônibus em outro bairro e entramos em uma padaria. Estamos bem!!!
Detalhe: eu estava de camisa de manga, calça jeans, sem nenhuma maquiagem e cabelo preso
Eu tirei foto dele mas to com medo.

 

Obs: Relato antigo, que devido á mudanças na equipe, ficou guardado. Desculpe.

Esperamos que não o tenha encontrado mais.