Cantada 097

97 – Olá, adorei a página. Finalmente nós temos um espaço para mostrar que não, isso não é natural, não, não é agradável, não, nós não deveríamos ficar agradecidas por esse tipo de “atenção”.  Bem, meu relato é o seguinte:  Eu tinha acabado de fazer 18 anos e estava indo a uma entrevista de emprego. Era num curso de inglês num bairro nobre, quando eu estava na porta do prédio um homem passou do meu lado e se sentiu no direito de dizer que eu tinha uma “bo**ta muito gostosa”. Eu corri para dentro do prédio, me sentindo realmente enjoada. A entrevistadora perguntou se eu estava bem, pois estava muito pálida. Eu agradeci a preocupação, mas disse que estava tudo bem e fui fazer o teste escrito para vaga de professora. Mas ao ficar na sala não conseguia prestar atenção nas questões, só pensava na cena anterior e meu estômago se revirava. Acabei marcando qualquer coisa e não fui admitida. Eu precisava mesmo daquele emprego. Não sei por que aquele homem se sentiu no direito de me dizer uma coisa daquelas. J.