Cantada 101

Ryane Leão   101 –    não consigo não reagir a essas coisas, não consigo. passei pela paulista há uns dias atrás e um cara estava encostado num muro. me viu, lambeu os lábios e me chamou. mostrei o dedo e continuei andando… só que ele me seguiu, e eu entrei num desespero absurdo. continuei andando e parei ao lado de policiais e cochichei “estou aqui pra me proteger”. o moço veio e começou a berrar que eu era vacilona, e me questionar. eu disse “fiz aquilo porque me senti desrespeitada pra caralho”, mas ele não parava de alegar que eu era extremamente vacilona. os policiais não fizeram absolutamente nada, a não ser lançar olhares estranhos pra mim. quando o cara se afastou eu disse “ele me assediou e eu reagi”, e eles continuaram mudos. continuei meu percurso mais frustrada que antes (e com medo). continuo reagindo, xingo, pergunto qual é. não vai demorar muito pra um cara me bater (esse aí apontava os dedos tão perto do meu rosto que nem sei).      não ligo de publicarem meu nome.      queria divulgar isso há tempos, mas não sabia onde. obrigada pela página.      e eu fico num embate: me calo ou não?      estou lendo a página e encontrando respostas e debates importantes. thanks again!