disse no meu ouvido “Bucetuda”, e deu uma risada maliciosa – 588

588 – Um dia eu estava indo trabalhar, e um homem passou ao meu lado e disse no meu ouvido “Bucetuda”. Eu parei. Na hora. Eu tive vontade de gritar, de xingar, de bater…. 8 horas da manha, Ermano Marchetti, SP. Eu olhei pra trás, pronta para xingar. O homem olhou pra trás e deu uma risada maliciosa. Ai fiquei doida…. Por 5 segundos, um filme passou na minha cabeça… eu queria GRITAR! Eu queria muito GRITAR!! Naquela hora, eu queria ter uma arma. Não para matar, mas parar assustar. Para eles saberem que “meninas indefesas” não são tao indefesas. Fiquei com um nó na garganta. Fui embora do Brasil. Não dá pra viver aí, por causa disso.