ele fez um gesto me chamando, mas não fui – 979

979 –  Oi sou novamente,a mulher do estilete, não sei o que acontece mas sou constantemente alvo de certos tipos de pessoas, ou seja sou imã de gente errada. Dessa vez eu fui visitar minha amiga na casa, foi uma tarde incrível. Depois peguei o ônibus, milagre que tinha pouca gente e muitos lugares, até aí nada de mais. Mas de repente passou um sujeito de boné e roupa larga (nunca entendi certos tipos de moda,mas não sou estilista e sim professora de Literatura) que não parou de me encarar; tive muito medo, fiquei sem ação, queria descer do ônibus mas ele estava parado perto da porta. Fiquei muito nervosa e minhas pernas travaram, tentava não olhar. Depois ele pegou o celular e continuava me olhando, aí ele fez um gesto me chamando, mas não fui. Ele era muito estranho, já pensou se é assaltante ou estuprador? Aqui onde moro não está fácil, toda hora tem bandido e PM dando tiro aqui, não dá para ficar dando confiança para qualquer um. Depois ele saltou bem antes de mim, respirei aliviada. Quando cheguei em casa contei para minha colega, teve gente que me chamou de preconceituosa, acredita? Disseram que se fosse o Johnny Depp eu não ia ter frescuras. Mas mesmo se fosse ele eu ia ter medo, a questão não foi o cara ser bonito ou feio, a questão foi a atitude, a atitude dele me assustou. Uma garota foi falar com um cara aqui perto e foi estuprada e outra teve as partes intimas fotografadas no ônibus. Ñão sei o que foi pior, se foi o sujeito no ônibus ou ter sido chamada de preconceituosa. Sofro de Depressão e Borderline, chorei muito. Ser vitima de um assédio desses e ainda ser jogada na cova dos leões como o profeta Daniel, é doloroso.Obrigada.