fomos assediadas por funcionários de um restaurante – 1094

1094 – Minha prima e eu fomos hostilizadas por funcionários que estavam na porta de um restaurante em São Caetano, com aquelas abordagens clássicas que todas nós estamos cansadas de ouvir.

O ponto que mais me incomodou foi que eles chegaram a gritar, a nos constranger de tal forma que procurei um contato do restaurante e mandei um e-mail reclamando da situação. Dias depois, o dono do estabelecimento me ligou, se desculpou e disse que tomaria providências. Estava envergonhado e falou que não sabia nem o que fazer para atenuar a situação.

Certamente, nada vai acontecer aos funcionários, até porque não quero prejudicar o emprego de ninguém. Só quero ser respeitada e dizer a vocês que não abaixem a cabeça, não se calem. Não permitam que se sintam no direito de assediá-las. Por mais que pareça, isso não é normal.

Fiquei satisfeita pelo retorno e pedido de desculpas.

As mudanças começam assim. Infelizmente, teremos que, dia a dia, ensinar esses homens toscos e grosseiros a nos respeitar de alguma forma.