Fui assaltada, podia ter sido estuprada e morta – 996

996 – Olá, gostaria de contar não somente um caso mas sim levantar uma discussão. Semestre passado fui abordada por dois homens quando estava indo para faculdade pela amanhã. Além de me roubarem, me assediaram e me ameaçaram se eu tentasse fugir ou gritar seria estuprada e levaria um tiro. Desde então, tenho horrores em sair a rua. Após o ocorrido, nada novo em sair para a rua onde moro, como olhares que incomodam e cantadas não “tão” graves. Ainda assim, é horrível. Quando o assalto terminou não tinha como não pensar ” estou viva? há segundos atrás poderia ter sido abusada e morta, que sensação estranha de estar tão viva”. Sim, poderia ter acontecido essas coisas ruins comigo se tivesse reagido. E não, eu não consigo desejar e pensar que aqueles mesmos homens devem ter uma segunda chance para a convivência em sociedade. Vocês conseguem perdoar e ver uma perspectiva, por favor, não utópica para homens que matam e estupram? Acreditam que realmente é possível a “recuperação” dessas pessoas?