Minha vida podia ter sido diferente – 1257

1257 – Minha vida podia ter sido diferente.

Eu era jovem, tinha um corpo bonito e não sabia, não me dava conta. Tinha seios grandes, que me incomodavam e tentava escondê-los, tinha um corpo bem definido porque eu jogava bola e treinava pesado, só pensava em esportes e em estudar.

Fui obrigada mudar o horário do meu curso de inglês para mais tarde. Moro no interior, considerada uma das cidades mais seguras do país e alem do trajeto ser muito curto entre minha casa, não oferecia perigo, se não fossem as cantadas diárias que recebia até chegar em casa. Eram 15 torturantes minutos, no horário de 8:00 da noite. Tranquei meu curso, já no final, eu era boa, mesmo e gostava. Disse pro meu pai que estava cansada, mas eu não queria ser mais cantada. Recebia cantada vindo e indo para os treinos. Usava roupas largas, camiseta, short. Um dia uma pessoa disse essas horriveis palavras que jamais esquecerei: “Que xoxota grande, aposto que nunca viu uma piroca grossa antes”. Diante de tanta coisa, passei a ignorar meu corpo, parei de treinar, comecei engordar, nunca mais recebi cantadas grosseiras, mas cheguei a obesidade mórbida, tive diabetes, precisei fazer reduçao de estomago.

Talvez se os homens fossem mais educados, tudo poderia ter sido diferente.