Mulheres se culpam por estupro revela estudo

Apesar dos esforços de ativistas que atuam nos campus das universidades por todo os Estados Unidos, as mulheres seguem culpando a si mesmas por serem estupradas é o que indica um estudo feito recente na University of Texas localizada em Austin.
Um estudo realizado na universidade feito com 129 mulheres estudantes que sobreviveram estupro descobriu que uma impressionante maioria de 62% culparam a si mesmas por terem sofrido a agressão sexual.
Um percentual ainda maior de 65.9% culpou a sociedade enquanto quase um quarto se considerou responsável pelo ocorrido.

O que impressionou é que mais da metade das moças que fizeram parte da pesquisa responderam que os seus estupradores “não deveriam ser culpados”, e somente 7% disseram que os estupradores tiveram “um pouco da culpa”.
O mais impressionante: ZERO, nenhuma das moças disse que o estuprador erá o único a ser culpado.

As mulheres no grande geral culpam a si mesmas pelo estupro, e culpam por último o estuprador.

Fonte: Vocativ

Link do estudo: http://jiv.sagepub.com/content/early/2015/08/12/0886260515599659.abstract