não me deixava atravessar a rua e fazia que ia me atropelar – 921

921 – Tenho 28 anos e já sofri agressão física e verbal várias vezes. Uma vez me marcou muito e nunca consegui contar pra ninguém, pois era nova e ingênua e me senti culpada, apesar de não ter feito nada a não ser reclamar!

Tinha uns 18 ou 19 anos, estava saindo de casa a pé para pegar ônibus para trabalhar, era de tarde, umas 13h, quando passa um carro e buzina, um imbecil me põe a cabeça pra fora do carro e começa a me dizer coisas nojentas e fazer barulho de animal. Tive o impulso de apenas mostrar meu dedo do meio e continuei meu trajeto, mesmo indignada.

Quando estou num quarteirão pra baixo o carro voltou, e no carro um rapaz que devia ter no máximo 20 anos começa a me xingar que eu era vacilona, se não tinha medo..não me deixava atravessar a rua e fazia que ia me atropelar..chegou até a encostar o carro e bater de leve em mim. Tinha um amigo com ele e notei claramente que ele ficou pasmo com a atitude do próprio amigo mas mesmo assim não disse nada.

Enfim ele só me deixou continuar meu caminho quando me fez pedir desculpas chorando. E ainda saiu cantando pneu me xingando.

Até hoje tenho vontade de xingar quem fala alguma coisa pra mim e fico quieta pois me lembro desse dia.