“nossa, pra você dou nota oito”, “nota oito é bom né?” – 638

 

638 – Sou de Goiânia e na semana passada rolou o congresso da UNE aqui, e eu participei. Estava em pé em cima de uma cadeira perto de alguns amigos para ver o show, e um guri aleatório, com um grupo de amigos vieram até mim, e começaram a falar, “nossa, pra você dou nota oito”, “nota oito é bom né?” A principio pensei em ignorar, só que continuaram com isso, ai eu fui e respondi, “eu sou uma mulher, não um pedaço de carne em exposição para receber nota”. Eles não esperavam essa resposta e saíram logo depois. Ultimamente tenho me sentido bem em retrucar essas agressões, porém alguns ficam realmente grilados quando retrucamos, e chegam a querer nos intimidar como se fossem partir pra agressão física, e isso me dá um pouco de medo. Porém, continuo retrucando cada agressão verbal, uma por uma.