olhando pra minha cara, “tocando uma” com a mão no bolso -1255

1255 – Isso foi em 2008, no Rio e foi bastante humilhante!

Estava indo ao trabalho de metrô, manhã cedo, o vagão estava vazio porque era contrafluxo (Zona Sul – Centro), um cara “normal” entrou na Uruguaiana e ficou até a Central olhando pra minha cara, “tocando uma” com a mão no bolso. Quando chegou perto da hora de descer fez questão de andar até a outra porta (porque evidentemente, quando vi a cena, saí do meu lugar para ficar longe e trocar de vagão) e aumentou a velocidade, vocês sabem pra quê…. “devidamente aliviado” desceu; e não, eu nao uso roupa colada nem curta… a tosqueira não tem limites.