“vocês são gatinhas, mas tá mole ainda!” – 593

593 – “Eu e uma amiga estávamos voltando pra casa, tínhamos acabado de entrar na primeira rua do bairro e fomos atravessar a rua quando vimos que um ônibus estava vindo, então paramos. Atrás do ônibus tinha um homem em uma moto que estava nos encarando, a principio “normalmente”.  Quando o ônibus e a moto passaram nós atravessamos a rua e continuamos andando, quando eu notei que o motoqueiro estava fazendo o retorno em nossa direção. Quando se aproximou ele meio que ficou de pé e estava com a calça aberta, ficamos horrorizadas totalmente sem reação, nenhuma das duas conseguiu dizer uma palavra, e ele ainda deu um sorriso malicioso e nojento e disse: ‘vocês são gatinhas, mas tá mole ainda!’ Cheguei em casa me sentindo fraca por saber que nada aconteceria com ele, e com medo de acontecer coisa pior com outra garota. Nunca vou entender o que motivou aquele projeto de homem a fazer isso, isso aconteceu há uns 3 anos só hoje tive coragem de “contar” pra alguém.”